quarta-feira, 15 de abril de 2015

Mãe depois dos 40: cuidados, desafios e realizações

Empresa: Mater Prime


Nunca é tarde para colocar em prática o sonho de ser mãe. Muitas mulheres acabam postergando a maternidade para poder se dedicar por mais tempo a outros objetivos, como a vida profissional, os estudos, realizar viagens, entre outras vontades. Isso não quer dizer que ser mãe não esteja nos planos, apenas foi adiado.

Com mais agitação na vida profissional e nos demais afazeres, muitas mulheres tem deixado a maternidade para mais tarde. Isso também foi influenciado pela capacidade da tecnologia, que nos últimos anos tem dado mais chance para mulheres que desejam ter filhos com uma idade mais avançada. Com isso, nos últimos 10 anos houve um crescimento de 18% no número de mulheres que engravidam entre os 40 e 44 anos.



Ser mãe depois dos 40

O primeiro problema para mulheres que deixaram a maternidade para depois dos 40 está na dificuldade para engravidar. Após essa idade, a mulher tem apenas 5% de chances de engravidar, número que triplica e vai para aproximadamente 20% com o tratamento de fertilização in vitro.

Para engravidar nesta idade, é muito provável que a mulher precise fazer um tratamento de fertilidade e mesmo receba o auxílio de uma clínica de inseminação artificial. Profissionais indicam que o casal faça tentativas por seis meses nessa faixa de idade e caso não tenha sucesso, ai sim é indicado procurar um especialista em reprodução assistida.

Desafios da maternidade

Muitas pessoas relacionam a gravidez mais tardiamente na vida da mulher como algo negativo, como a disposição para cuidar dos filhos pequenos ou mesmo o desgaste de um tratamento de fertilidade.

No entanto, com os avanços da medicina, os casais conseguem mais rapidamente saber se será possível engravidar e também como será conduzida essa gestação, fazendo que a busca pela gravidez possa ser um momento de satisfação e alegria para o casal, quando assistidos por um profissional capacitado e que seja honesto quanto as reais possibilidades de sucesso nos procedimentos, tanto de fertilização in vitro, quanto outros.

Mesmo com os desafios, muitas mães listam uma série de fatores positivos com a maternidade depois dos 40:
·        
      Segurança financeira
·         Estabilidade profissional
·         Maturidade
·         Objetivos definidos
·         Tempo flexível



É importante, no entanto, que o profissional da clínica de reprodução humana não iluda o casal. Procure referências confiáveis na hora de escolher o local para realizar a reprodução assistida e também os médicos que irão acompanhar os procedimentos.

Um comentário: