segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Psicólogo responde

Victor Nicolino Faria é formado em Psicologia pela PUC-SP, sendo Bacharel em Psicologia pela mesma instituição.


Pergunta: Meus filhos brigam muito entre si. Isso é normal? 

Psicólogo responde: Do meu ponto de vista não existe o normal e anormal, mas sim o que é positivo e o que é negativo para uma família. Irmãos brigarem entre si é algo comum em diversas famílias, desde a época dos nossos avós. Contudo, não precisamos tolerar ou incentivar esse comportamento negativo em nossos filhos. O primeiro passo é entender a função deste comportamento, o porque deles brigarem entre si. Pode ser uma forma de chamar a sua atenção, tomar posse de algo, ou mesmo uma forma de compensação de baixa estima. A partir da compreensão da função deste comportamento podemos pensar formas de intervir, seja utilizando aspectos lúdicos (jogos) ou mesmo através de conversas e combinados para diminuir a frequência das brigas. Vale a pena, para alcançar uma vida familiar saudável, conseguirmos superar essas brigas para termos um convívio mais harmonioso.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário