segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Psicólogo responde

Victor Nicolino Faria é formado em Psicologia pela PUC-SP, sendo Bacharel em Psicologia pela mesma instituição.


Pergunta: É possível amar alguém que me faz mal?

Psicólogo responde: Infelizmente é possível, leitora do Blog Super Mãe. O ser humano, sua mente e seus sentimentos são muito complexos e muitas vezes, por várias questões emocionais que não há espaço suficiente nesta coluna para descrever, podemos amar alguém que nos faz terrivelmente mal. Nestes casos é muito difícil rompermos esse tipo de relação, porque há uma espécie de simbiose com a pessoa que nos faz mal, como se não conseguíssemos viver sem ela. Nestes casos eu sugiro que a pessoa busque se entender melhor, seja através de um processo terapêutico ou de uma reflexão profunda sobre si mesma, para conseguir tomar a melhor decisão sobre o que fazer com este amor. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário