segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Psicólogo responde

Victor Nicolino Faria é formado em Psicologia pela PUC-SP, sendo Bacharel em Psicologia pela mesma instituição.


Pergunta: Como acabamos entrando em um relacionamento abusivo?

Psicólogo responde: Nunca há um cartaz pendurado no pescoço da pessoa nos alertando de que ela quer ter conosco um relacionamento abusivo, e por isso não podemos nos responsabilizar por ter nos apaixonado ou amado uma pessoa que estabeleceu conosco um relacionamento abusivo. Conhecemos a pessoa e ela começa, pouco a pouco, a invadir nosso espaço individual, nos depreciar, fazer chantagem emocional, agressões verbais e físicas. Apesar do sentimento que temos pelo outro, precisamos estar atentos a pequenos sinais que nos mostram que a pessoa ao nosso lado não quer ter uma relação de igual para igual, mas uma relação onde ela esteja acima de nós, superior e ditando quando nos sentimos bem ou mal. Diante dos pequenos sinais precisamos nos proteger, e muitas vezes a proteção é acabar a relação e impedir o relacionamento abusivo independente do estágio em que esteja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário